"Estamos pior do que há um ano atrás" - Diário Económico